Marketing de conteúdo, a solução para seu negócio!

Vivemos inegavelmente uma era digital e quem não tem presença forte online praticamente não existe. Nesse contexto o marketing de conteúdo se tornou primordial para o sucesso de negócios digitais e físicos. Engajar as pessoas com a sua empresa e trazê-las para mais perto é a chave para se manter no topo das suas escolhas. A seguir vamos explicar o que é marketing de conteúdo. Vamos mostrar como você pode usá-lo com sucesso, as melhores estratégias de planejamento, execução e verificação de resultados!

Entendendo o que é Marketing de Conteúdo

As pessoas estão saturadas da publicidade convencional em que as empresas falam sobre si mesmas e seus produtos. Hoje em dia o público deseja ter acesso a mensagens e conteúdos que sejam relevantes para as suas vidas. O marketing de conteúdo é a melhor maneira de engajar e ter a atenção do seu público-alvo. Quando os meios de comunicação de uma empresa – como seu site e redes sociais – se tornam fontes de informação passam a receber muito mais visitas do público-alvo.

 

Quer baixar nosso e-book sobre marketing de conteúdo? Clique na imagem!

 

Ter bom conteúdo é uma forma de atrair os potenciais consumidores para conhecer mais sobre a sua empresa sem precisar pesar a mão em mensagens publicitárias. O bom marketing de conteúdo consiste em produzir conteúdo de qualidade. Mas o que é conteúdo de qualidade? É aquele que tenha informação útil para o seu consumidor e não que esteja focado em falar dos atributos dos seus produtos.

Além do bom conteúdo ser a porta de entrada para os seus potenciais consumidores, temos outra questão! Contribuir para que o mesmo seja compartilhado nas redes sociais é uma vantagens!

O poder de multiplicação de uma mensagem através da internet não deve ser subestimado. Empresas que investem em ter bom conteúdo se destacam online e se tornam mais conhecidas do público em geral. A partir do momento que seu site ofereceu um conteúdo útil o potencial consumidor passa a ter uma imagem positiva da sua empresa. Então de forma geral é importante entender que o marketing de conteúdo que oferece resultados é aquele que tem qualidade.

Como usar o Marketing de Conteúdo – Estratégias eficientes

Após ter lido a definição acima de marketing de conteúdo talvez você esteja pensando que basta produzir alguns artigos minimamente relevantes e já terá concluído o trabalho. Contudo, para ter bons resultados é fundamental ter uma estratégia bem delineada, saber por onde começar, qual é o caminho e como ter bons resultados a curto e longo prazo. O trabalho nessa área deve ser meticuloso e bem organizado.

 

marketing de conteúdo

 

Algumas empresas pecam no marketing digital por acreditar que basta ter um site ou blog corporativo com alguns posts irregulares, feitos quando dá tempo. Na internet precisamos entender que a palavra de ordem é constância. Isso quer dizer que manter uma frequência de posts e um espaço online bem organizado é o que dará bons resultados. Se não for para fazer bem feito é melhor não fazer, não é mesmo?

Saiba que muitas empresas apresentam crescimento bastante elevado depois que adotam boas estratégias de marketing de conteúdo. Uma forma de entender porque a organização nesse trabalho é tão importante é conhecer as três etapas principais do marketing de conteúdo que são: Planejamento, Execução e Mensuração.

 

Desenvolvendo Marketing de Conteúdo – As três etapas

Etapa 1 – Planejamento de marketing de conteúdo

 

O trabalho de marketing de conteúdo exigirá tempo e dedicação. Dessa forma é de se presumir que demanda planejamento. Pense da seguinte forma, se você decide se mudar de casa precisa pensar em todos os detalhes para que a mudança ocorra com sucesso e sem dores de cabeça.

Fazer bom marketing de conteúdo segue a mesma lógica, você precisa ter uma estratégia e saber exatamente que tipo de conteúdo seu público-alvo espera da sua empresa e quais são as melhores formas de entregá-lo. Neste sentido, o planejamento de marketing de conteúdo é fundamental para que este processo, de fato, traga resultado!

 

Informação

 

A base para que sua estratégia de marketing de conteúdo prospere a longo prazo inclui ter tudo muito bem documentado, isto é, as decisões e estratégias precisam estar acessíveis a todos da empresa. O conhecimento do trabalho que está sendo realizado é a chave para que seja algo consistente com bons resultados. A equipe precisa estar alinhada sabendo exatamente qual a estratégia adotada e quais os resultados que se espera obter.

Consideramos como planejamento tudo o que é feito antes da execução e se trata de um momento de crucial importância para chegar aos seus objetivos. Tem alguns passos essenciais no planejamento, iremos detalhar melhor abaixo.

 

Estabeleça Objetivos

 

O marketing de conteúdo é um meio para um fim e não um fim em si mesmo. Isso significa que nenhuma empresa pode fazer marketing de conteúdo somente por fazer. Deve existir um objetivo para a realização desse trabalho, algo que a empresa deseja obter para se dedicar a essa tarefa. Dentre os objetivos que podem estar na sua lista estão:

Engajamento com a marca

Ter mais pessoas interagindo e comentando a respeito da sua marca. Ter uma imagem positiva com mais pessoas pode acarretar em defensores da sua empresa que a recomendarão. Bons conteúdos serão compartilhados publicamente e também serão indicados para amigos, algo que realmente ajuda a destacar a sua empresa.

Brand awareness

Trata-se de usar o marketing de conteúdo para que mais pessoas conheçam e entendam a sua empresa e os seus produtos. Nesse caso não se está em busca de um público específico, mas sim do público em geral. Um objetivo que pode ajudar a sua marca a se tornar mais comentada e conhecida.

Educar o mercado para a atuação da sua empresa

Algo que tem acontecido muito nos últimos tempos devido ao aumento de empresas e produtos inovadores. Muitas vezes o público a quem esses produtos se destinam não entendem para que eles servem de maneira que precisam de conteúdo para compreender.

 

marketing de conteúdo 4

 

Geração de leads

Uma das vantagens de se trabalhar com marketing de conteúdo é que ele permite que haja conhecimento de dados dos potenciais consumidores. Ter acesso a informação do público-alvo e poder qualificar esse público é algo que torna o trabalho de marketing geral muito mais simples.

Geração de vendas

Obviamente que as empresas existem para vender seus produtos. Contudo, a venda em si não é sempre o objetivo final do marketing de conteúdo. A empresa pode estabelecer a venda como um dos objetivos. Conteúdo relevante e de qualidade ajudará a posicionar melhor a empresa diante de possíveis clientes e levar essas pessoas a realizar todo o processo de compra que vai desde ser atraído para o site até tomar a decisão de comprar.

Redução de custos

Para as empresas é importante saber que estão trabalhando com a melhor margem possível de gastos. A produção de um conteúdo de qualidade pode reduzir os custos para atender bem os seus potenciais clientes. Por exemplo, se o site da empresa tem uma sessão de perguntas frequentes que ajuda a resolver as questões dos principais interessados reduz o tanto que será gasto com atendimento.

Vender mais para os mesmos clientes

Os bons empresários sabem que é muito mais válido vender mais de uma vez para um mesmo cliente do que usar estratégias em busca de novos compradores. Uma forma de ajudar a aumentar as suas vendas para quem já gosta da sua empresa é investir em material de pós-venda como newsletter. O conteúdo enviado após a compra e o acompanhamento da experiência do consumidor faz com que o cliente tenha vontade de comprar mais vezes.

 

Trabalhe com KPIs (Key Performance Indicator ou indicador-chave de performance)

 

O marketing de conteúdo ainda é uma prática relativamente nova no mercado e por isso é natural que ainda guarde alguns mistérios. Um desses mistérios diz respeito a forma como se deve observar e usar as métricas. Claro que todo mundo que realiza um trabalho deseja saber se ele está sendo mesmo efetivo (explicaremos melhor a mensuração na terceira etapa).

Contudo, a ânsia por uma medição completa pode levar a um caminho sem saída. Pense em quantas métricas só o Google Analytics oferece, um amplo leque.

Mas, será que acompanhar todos esses números é o suficiente para o sucesso? Todos esses dados não serão relevantes se forem apenas isso, dados. Para que dados façam a diferença precisam se tornar informação.

 

Exatamente pensando nisso que foi criado o conceito de KPI, que são métricas consideradas mais relevantes para saber se o seu marketing de conteúdo está sendo positivo e dando os resultados esperados. Para conseguir usar esse sistema de métrica mais inteligente é necessário começar definindo quais são as métricas mais interessantes.

Características de bons KPIs

Métrica relevante

Uma métrica somente é relevante quando está diretamente ligada a atingir um objetivo. Escolher métricas pensando em questões de vaidade te levará ao erro.

Métrica simples de entender

O nível de complexidade da métrica escolhida também deve ser levada em conta, pois se for muito difícil de entender pode se tornar algo muito misterioso para a sua equipe. Todas as pessoas que estão envolvidas no marketing de conteúdo devem entender claramente que tipo de métrica estão usando.

Métricas fáceis de mensurar

Estabelecer métricas que sejam difíceis de serem observadas e medidas pode colocar todo o trabalho a perder. Sua empresa pode usar como KPI o número de pessoas que assinaram o newsletter. Para isso, pode estabelecer que o aumento deve ser de 5% por mês. Esse é um número fácil de ser observado e acompanhado.

Métricas que tem impacto positivo

A métrica que usamos de exemplo acima tem impacto positivo na estratégia de marketing de conteúdo, pois visa aumentar o número de pessoas que quer receber informações da sua empresa. Os KPIs que contribuem verdadeiramente para bons resultados são aqueles que geram atitude positiva em relação a sua empresa.

 

 

marketing de conteúdo 3

 

Público-alvo – Criação de personas

 

Produzir conteúdo somente é efetivo quando se tem bem claro para quem se está produzindo, não é mesmo? A partir do momento que os objetivos já estão claramente definidos bem como os KPIs, chega a fase de planejar a efetividade do conteúdo. Para que um conteúdo seja eficiente é fundamental que ele seja interessante para as pessoas que a sua empresa deseja ter como audiência. Uma estratégia que costuma ser bem assertiva nessa definição de público-alvo é a de criar uma persona.

A persona é como um personagem que representa alguém com características comuns as pessoas que fazem parte do seu público-alvo. É possível criar mais de uma persona para representar o público-alvo da sua empresa. Coloque num papel quais são as características mais comuns das pessoas que já compram da sua empresa. Pense ainda numa parcela do público que ainda não compra da sua empresa, mas que poderia vir a comprar.

Nessa fase é possível até mesmo criar duas personas: uma que represente o público-alvo com grande potencial para comprar e outra que represente o público-alvo que poderá se tornar consumidor. Assim é possível pensar em estratégias para dois públicos diferentes que estão personificados.

 

Criando personas

 

A persona em questão pode ter nome, idade, estado civil, renda mensal, gostos pessoais, necessidades de compra entre outros. A ideia é que transformar o perfil de consumidor ideal numa pessoa ajude a entender de que maneira se pode conseguir melhores resultados.

Conhecer o seu público-alvo é essencial para ter sucesso empregando estratégias de produção de conteúdo.

 

Como conhecer melhor o público-alvo?

 

Uma pergunta que pode estar passando na cabeça de muitas pessoas nesse momento, mas garantimos que pode ser uma tarefa relativamente simples usando algumas estratégias. Confira algumas possibilidades para conhecer mais sobre seu público abaixo:

 

Entrevistar os seus clientes

 

Quem já é cliente da empresa já é público-alvo e está mais aberto para responder algumas questões afim de ajudar a definir esse perfil. Provavelmente a sua empresa perceberá que existem muitas semelhanças entre as pessoas que já compram os seus produtos. Essas semelhanças de gostos, vida e comportamento é que devem ser levadas em conta para criar a persona.

 

Pesquisas

 

Existem dois tipos de pesquisas que podem ser feitos para descobrir o perfil do público-alvo. A primeira delas é a pesquisa de mercado em que pessoas são abordadas em locais públicos para responder algumas questões. Não é exatamente um tipo de pesquisa que oferece real efetividade.

 

O segundo tipo de pesquisa é realizado online. Ele pode oferecer resultados mais amplos uma vez que poderá ser divulgada através das redes sociais tendo mais pessoas para responder. A desvantagem está no fato de que pode ser necessário oferecer vantagens para que as pessoas respondam a pesquisa.

 

Escolhendo os meios

 

A internet oferece uma série de meios de comunicação em que os seus conteúdos podem ser divulgados e a escolha das melhores alternativas tem ligação com o conhecimento de quem é o seu público-alvo, isto é, que tipo de comportamento essa pessoa tem quando está online e qual é a melhor maneira de fazer com que o conteúdo da sua empresa chegue até ela. Este é um dos elementos mais importantes da gestão de conteúdo digital!

 

Funil de vendas

 

Quando se fala sobre marketing de conteúdo é natural logo pensar na metáfora do funil de vendas que tem como objetivo desenhar qual é o caminho percorrido pelo público-alvo até efetivar uma venda. Vamos entender melhor a partir de explicações a respeito de todas as etapas percorridas no funil de vendas no marketing de conteúdo.

Topo do funil

 

Quem está nessa etapa em geral não está procurando por nenhum produto e nem mesmo sabe que tem uma necessidade. Nesse momento o leitor do seu conteúdo ainda não estabeleceu uma relação com a sua marca. Por isso mesmo essa barreira deve ser quebrada.

Mostrar para essas pessoas que existe uma necessidade e que ela pode ser facilmente resolvida com os produtos da sua empresa é o caminho para o sucesso. Como essa é uma etapa de apresentação exige que sejam dadas explicações a respeito do produto e da necessidade dele, posts em blogs e redes sociais podem funcionar bem.

 

funil de vendas marketing de conteúdo

 

 

 Meio do funil

 

As pessoas que partiram do topo do funil para o meio do funil já tem um relativo interesse. Quem não tem interesse algum de comprar o produto da sua empresa em geral não passa para essa fase.

O público quando chega nessa etapa já sabe que tem algo que precisa resolver e está analisando se os produtos da sua empresa são as melhores opções. Nessa etapa é importante que o lead se lembre da sua empresa e para isso enviar conteúdo relevante é uma boa estratégia, dê sempre a opção de newsletter na sua página.

 

Fundo do funil

 

Essa é a etapa do processo de funil de vendas em que o lead já está quase convencido de que deve comprar o produto da sua empresa. A conversão em venda acontecerá mediante a oferta de informações que sejam relevantes a respeito do produto e que demonstrem que é a melhor solução para o problema que essa pessoa tem.

As melhores estratégias nessa etapa é contar com depoimentos de quem já comprou os produtos da sua empresa e se sentiu recompensado por tal compra, realizar webinars também pode ser interessante.

 

Pós-venda

 

Para ter mais chances de manter os clientes fidelizados indicamos que haja um bom trabalho de pós-vendas. Isso significa ter uma equipe que dê suporte para as pessoas que adquiriram os seus produtos. Manter o envio de newsletters relevantes também contribui para que os consumidores mantenham a sua marca na memória e possam voltar a comprar além de falar bem da sua empresa.

marketing de conteúdo

Etapa 2 – Execução

Execução do marketing de conteúdo!

 

Se o trabalho de planejamento foi bem realizado a etapa seguinte, execução, irá transcorrer com tranquilidade. Ter uma base sólida com uma estratégia assertiva é o que a sua empresa precisa para ser bem sucedida no marketing de conteúdo. Fique atento para que durante o percurso de execução não se percam os objetivos que foram traçados no planejamento. Manter a constância e a frequência do conteúdo fará toda a diferença.

Siga a estratégia

 

Uma das dificuldades da prática de marketing de conteúdo é manter a estratégia inicial. Para que não aconteçam deslizes no meio do caminho é importante seguir o fluxo previamente estabelecido. Criar um cronograma com as etapas do trabalho em detalhes pode contribuir para que a equipe não se perca. O principal erro que pode ser cometido nessa etapa é deixar a estratégia de lado, isto é, apenas ir seguindo.

 

Tenha bem estabelecido e detalhado quais são os KPIs e quais são os objetivos desejados com a criação de conteúdo. Fique atento ainda a questões de armazenamento de informações do trabalho. Use programas e aplicativos que permitam que o trabalho fique documentado e armazenado na nuvem. A organização é o que ajudará a tonar a sua estratégia mais efetiva.

 

Etapa 3 – Mensurando o retorno

Quando falamos a respeito das KPIs já estávamos falando a respeito de mensurar os resultados. Verificar o quanto as estratégias de marketing de conteúdo estão sendo efetivas é fundamental.

É importante para identificar o que está sendo feito corretamente e o que precisa de melhora. Mas, observe que a escolha de como fazer a mensuração depende de quais são os objetivos que sua empresa está esperando.

Por exemplo, se um dos objetivos de trabalhar com marketing de conteúdo era aumentar o número de seguidores da página da sua empresa no Facebook, o que fazer?

É necessário verificar quanto esse número cresceu desde que o marketing de conteúdo está sendo realizado.

Nas redes sociais essa verificação de resultados pode ser feita através do crescimento do número de seguidores. Através de ferramentas de análise do Google Analytics é possível conhecer também os números de crescimento de acesso do seu site.

Para que essa verificação possa ser mais eficiente, é bom ter um levantamento dos números antes do início do trabalho do marketing de conteúdo. Assim você poderá fazer um processo de comparação e obter mais certeza sobre o quanto está realmente eficaz esse trabalho.

Marketing de conteúdo aplicado a negócios digitais

 

O uso do marketing de conteúdo pode representar o crescimento e o conhecimento do seu negócio por mais pessoas. Para quem tem uma empresa digital, isto é, um e-commerce e tem sua presença apenas online é um excelente canal de contato. Algumas empresas nascem e se mantêm somente na internet por muito tempo, não sendo assim conhecidas efetivamente do público em geral.

A produção de conteúdo relevante e o uso de canais que saiam dos limites do site de vendas é essencial para que a empresa ganhe o coração dos possíveis consumidores. Nesse caso é bom que a empresa tenha um site, um blog e/ou redes sociais. Lembre-se do que falamos sobre estabelecer o seu público-alvo para entender qual canal será mais eficaz.

O contato através das redes sociais representa a ligação entre a sua empresa e os consumidores.  Desta maneira é fundamental mantê-las sempre atualizadas e com respostas para as eventuais questões que venham a surgir. O conteúdo deve ser usado como uma maneira de compartilhar a sua marca e dessa forma atrair mais pessoas para a sua página de vendas. Lembre-se do processo de funil de vendas, encontrar pessoas que não sabem que tem uma necessidade, apresentar a necessidade para elas e por fim comprovar que seus produtos são as melhores respostas.

 

Marketing de conteúdo aplicado a negócios físicos

 

Para quem pensa que somente empresas digitais podem se valer da produção de conteúdo para alavancar as suas vendas está enganado. As empresas que atendem somente em locais físicos podem também usar essas ferramentas de marketing de conteúdo para trazer os consumidores para as suas lojas. O conteúdo funciona aqui como um atrativo para que os consumidores tomem a decisão de visitar a loja.

Toda e qualquer empresa deve ter um site com informações básicas como os endereços de suas lojas, horário de atendimento entre outras. Se a sua empresa não tem um site mantenha essas informações nas suas redes sociais. Além de ajudar as pessoas a se localizarem de como encontrar a sua empresa também contribui para melhor posicionamento da sua empresa nas pesquisas nos buscadores como o Google.

Para que pessoas que nunca foram na sua empresa tenham o desejo de conhece-la é interessante investir na produção de conteúdo para web de qualidade. Ao ter acesso a informações que são relevantes a partir da sua empresa esses potenciais consumidores podem sentir desejo de conhecer mais de perto seus produtos. Uma visita pode dar o impulso final para a realização de uma compra.

Contando com uma agência de conteúdo

 

Você percebeu que o trabalho de marketing de conteúdo é complexo e oferece possibilidades de erros ao longo do caminho. Sendo assim, muitas empresas optam por contratar uma agência de conteúdo, como a Leads.

Quem trabalha com foco nesse segmento conhece mais as ferramentas e as estratégias que são efetivas ou não. Os resultados que o marketing de conteúdo podem oferecer são bastante amplos e por isso vale a pena contratar profissionais para realizar o planejamento e execução.

Tem alguma dúvida ou sugestão? Entre em contato conosco!

 

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Seu Telefone (obrigatório)

Descrição do pedido

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *