Entenda o algoritmo do Facebook e como ele influencia a sua estratégia de marketing digital

O Facebook é considerada atualmente a maior rede social do mundo, e os seus números expressivos chamam cada vez mais a atenção de empresas que desejam se comunicar mais efetivamente com seus clientes e potenciais clientes. E com o uso cada vez maior por empresas, ocorreram algumas mudanças importantes no seu algoritmo a fim de tornar a experiência do usuário mais qualificada, e ao mesmo tempo foi uma forma de monetizar a rede. Com isso, o algoritmo do Facebook se tornou uma ferramenta que influencia diretamente qualquer estratégia!

 

capa

 

Assim que o Facebook lançou a função de páginas, a fim de que empresas deixassem de criar perfis, a dinâmica era outra. Por exemplo, o alcance orgânico era muito maior, na prática, isso significa que ao fazer um post, era mais provável que ele atingisse um número maior de pessoas, sem a necessidade de patrocinar esse post. Acontece, que hoje em dia, esse alcance se tornou muito limitado, confira as principais mudanças e entenda mais sobre o algoritmo do Facebook e como ele influencia a sua estratégia de marketing digital.

 

O que mudou no algoritmo do Facebook

 

O primeiro passo é entender melhor como esse algoritmo do Facebook acaba influenciando o conteúdo que você posta na sua Fanpage, e ele é calculado através de um conjunto de regras que devem ser respeitas, para determinar o quanto um conteúdo é relevante, e a maneira como ele ser mostrado.

O Facebook leva em consideração a afinidade entre a empresa e o público, o peso desse conteúdo atribuído pela rede, sendo que imagens e vídeos tendem a ser mais valorizadas quando comparadas com links, e o tempo de publicação, ou seja, os posts mais recentes acabam tendo maior relevância, por essa razão é importante ficar de olho sempre no EdgeRank do Facebook.

Com as mudanças aplicadas pelo Facebook houve uma espécie de “estreitamento” dos conteúdos que são mostrados aos usuários, ele passou a ser mais customizado a partir dos seus interesses, sendo que para definir o que seria interessante ou não para o usuário três atualizações principais devem ser levadas em consideração. Isso faz toda a diferença no gerenciamento de páginas no Facebook!

Usuários que não têm muito conteúdo na sua linha do tempo:

Essa é considerada a primeira alteração realmente significativa, essa mudança foi elaborada para melhorar a experiência do usuário, antes, a rede tinha uma espécie de filtro que proibia que fosse apresentados conteúdos repetidos, com as alterações, se essa pessoa que possui pouco conteúdo a ser apresentado continuar navegando, ele acabará sendo repetido em algum momento.

Posts de amigos próximos:

Antes a linha de tempo era por vezes “poluída” pelo excesso de informações, e a fim de resolver esse detalhe, agora o algoritmo passou a dar preferência para a publicação dos amigos mais próximos, e isso inclui curtidas e conteúdo compartilhado por essas pessoas.

Comentários e curtidas de amigos não tão próximos:

Antes, tudo o que os seus contatos comentavam ou curtiam acabava sendo mostrado no perfil das pessoas, com as mudanças, isso já não acontece, sendo que algumas vezes elas simplesmente deixarão de ser mostradas.

 

Mas como isso influencia a Página da sua empresa?

No dia a dia, uma pessoa considerada dentro da média do Facebook é exposta por cerca de 1.500 mensagens no seu feed de notícias, agora imagina se todas as publicações das páginas que essa pessoa curte aparecesse nessa linha do tempo? Esse número com certeza sofreria uma alteração drástica, e foi pensando nesses fatores, além de questões comerciais, que o alcance orgânico das publicações em páginas sofreu uma queda considerável, e quando comparada com números de 2013, a queda desse alcance foi de 49%.

Isso significa que se antes 10% das pessoas que curtem a sua página veriam o conteúdo que você publica, atualmente essa porcentagem chega a 2%, ou seja, mesmo tempo um bom conteúdo, as chances dele alcançar um número elevado de pessoas é difícil.

 

algoritmo do Facebook

 

E para continuar tendo sucesso nas redes, além de investir em postagens pagas, é necessário ficar atento ao EdgeRank e também a qualidade do conteúdo, confira algumas dicas práticas:

  • Faça publicações regulares, mas sempre priorize a qualidade do que a quantidade.
  • Fique atento aos horários.
  • Nunca se esqueça de manter a qualidade dos posts que você publica.
  • Publique vídeos diretamente na rede, lembrando sempre que os vídeos que são postados na rede de maneira direta tem mais envolvimento do que os links do YouTube.
  • Aprenda a usar imagens adequadas para cada situação.
  • Passe longe do chamado “clique fácil”.
  • Faça ações de Call-to-Action.

 

Aqui na Leads Marketing de Conteúdo temos um setor específico para as mídias sociais. Que tal contar com ele trabalhando para sua empresa ou marca? Entre em contato conosco que iremos te ajudar!

    Seu nome (obrigatório)

    Seu e-mail (obrigatório)

    Seu Telefone

    Descrição do pedido