Como gerar leads orgânicos?

Aumentar o tráfego de leads em um site significa ter uma maior audiência e mais chances de fazer vendas. Para isso, há duas maneiras: pagar por anúncios no Facebook e Google, ou atuar com Marketing de Conteúdo para gerar leads orgânicos, ou seja, aqueles não são pagos.

A principal vantagem de gerar leads orgânicos é a redução de custos com anúncios e a atração de leads mais qualificados, ou seja, pessoas que realmente possuem muito interesse naquela marca. Veja como gerar leads orgânicos.

 

Marketing de conteúdo: ferramenta para gerar leads orgânicos

 

A produção de conteúdo é a principal ferramente de uma empresa para atrair interessado. É por meio das publicações que uma empresa irá gerar leads orgânicos. Ou seja, produzindo conteúdo de qualidade, e com técnicas de SEO, a empresa aumentará a visibilidade e encontrabilidade na internet – atraindo a atenção de pessoas interessadas naquele nicho.

A qualidade conteúdo, portanto, é fundamental. Ele servirá, na verdade, como um cartão de visita da marca. É o momento em que a marca começar a trabalhar a construção da imagem e credibilidade. Com o conteúdo de qualidade ela passa a ser uma autoridade naquele assunto.

Essas estratégias também irão gerar mais conexão com o lead. É importante que o conteúdo seja interessante logo de primeira para o lead. É justamente essa relevância do conteúdo que fará com que ele curta as redes sociais, se cadastre na lista de email marketing, baixe um ebook, assine o canal no Youtube ou faça outra ação para se tornar um lead orgânico.

 

Leia mais: Segredos da Produção de Conteúdo para Web.

 

Técnicas de SEO para gerar leads orgânicos

 

Trabalhar com conteúdo otimizado para SEO é fundamental para gerar leads orgânicos. Afinal, é por meio do SEO que o futuro cliente irá encontrar a marca, quando estiver pesquisando por assuntos relacionados a aquele determinado nicho.

Por exemplo, o uso de palavras-chave é importante para que um artigo ou vídeo seja encontrado logo nas primeiras posições dos resultados do Google ou do Youtube. É recomendável que as palavras-chave pautem o conteúdo. Ou seja, elas devem ser pesquisadas em plataformas específicas e, a partir delas, a empresa fará um planejamento de conteúdo.

Em outras palavras, a empresa deve publicar aquilo que as pessoas estão procurando com mais frequência. Essa é uma tática para atrair mais audiência, publicando assuntos pertinentes, com relevância e que irão gerar impacto na vida dessas pessoas.

 

gerar leads orgânicos

 

Outras técnicas de SEO

 

Além do uso da palavra-chave, há outras técnicas básicas de SEO que devem ser seguidas. Há dois principais objetivos para isso: estar entre os primeiros resultados de uma pesquisa (ou seja, ser considerado um site mais confiável e seguro) e oferecer uma experiência melhor para o usuário (deixando-o por mais tempo na página). Veja quais são essas técnicas:

 

Títulos e subtítulos (com palavras-chave)

 

Os títulos, subtítulos e listas facilitam a leitura do lead. Portanto, é uma forma de segurar o tráfego de uma página e fazer com que as pessoas leiam o texto todo, até chegar no CTA (Call To Action) e fazer a ação proposta por ele. E mesmo que a pessoa não leia por falta de tempo, ela compreenderá o assunto do texto – podendo voltar em uma outra hora, ou indo direto para o CTA.

Além disso, o uso desses elementos, com as palavras-chave, faz com que o artigo seja melhor reconhecido pelos robôs do Google. Dessa maneira, haverá um aumento de tráfego, ou seja, a empresa irá gerar mais leads orgânicos.

 

Imagens

 

Propor quebras na leitura é fundamental para segurar a atenção de qualquer pessoa. Esses “respiros” no meio do texto vão além da estética da página. O Google sabe disso e, portanto, acredita que artigos com imagens são melhores, dando prioridade para eles na lista de resultados.

Aposte em imagens esteticamente bonitas e que tenham a ver com o assunto. Elas sempre transmitem alguma mensagem para o leitor e, por isso, podem complementar o assunto.

 

Meta descrição

 

Apesar de ser extremamente ignorada pelas marcas, a meta descrição é fundamental para gerar leads orgânicos. O texto que descreve o artigo, quando ele for encontrado no Google, não possui efeitos no SEO – mas pode ser determinante para o clique.

Gere curiosidade no usuário. Faça uma breve descrição sobre o assunto e aponte algo prático que o seu lead irá ter após a leitura. Ou seja, mostre para ele que o artigo irá trazer uma solução para um problema enfrentado por ele.

 

Redes sociais: gerando leads com leads

 

As mídias sociais também aumentam muito a quantidade de tráfego orgânico em uma página. É uma maneira de gerar leads orgânicos por meio dos próprios leads. Afinal, ao construir um relacionamento e uma interação com a audiência daquela rede social, mais pessoas irão ter acesso aos conteúdos – os amigos dos seguidores.

Portanto, a marca deve postar conteúdos originais e que geram engajamento do público. Curtidas, comentários, compartilhamentos irão gerar uma maior visibilidade para a empresa, levando mais pessoas para o site ou blog.

 

Como gerar leads orgânicos com baixo investimento?

 

É possível gerar leads orgânicos com baixo investimento e mantendo a qualidade do conteúdo divulgado. Uma dica é contar com a terceirização do serviço. Ter conteúdos feitos por agências de conteúdo garantem qualidade, periodicidade e resultados para a empresa contratante do serviço.

 

Quer saber mais sobre como comprar artigos otimizados para blog e aumentar o tráfego orgânico do site da sua empresa? Clique aqui.

A Leads Marketing de Conteúdo pode te ajudar! Fale com um de nossos consultores!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *